Seja nosso parceiro

Acesse para fazer seu cadastro

Cadastrar

Telefone e WhatsApp

Nossos canais de atendimento funcionam somente em horário comercial.

(61) 3222-6363

Área restrita

Conheça o novo protocoloEasy 3D

Surpreenda seus pacientes com diagnósticos muito mais precisos.

Hotspot image
Dê um upgrade nos seus tratamentos utilizando um dos protocolos 3D mais completos e precisos do mundo

Conheça o nosso passo-a-passo e implemente nossa solução em sua clínica

1º Passo
(Solicitação)

Saiba mais
Encaminhe o seu paciente para os exames de tomografia e registros fotográficos. (Dicom crânio total + fotos)

2º Passo
(Exames)

Saiba mais
O paciente deve realizar a tomografia e as fotos nas clínicas radiológicas.

3º Passo
(Análise)

Saiba mais
A clínica ou o profissional devem anexar o Dicom e as fotos no nosso portal pra análise e montagem do protocolo.

4º Passo (Download)

Saiba mais
Enviaremos um aviso por email para o usuario cadastrado acessar e baixar o protocolo EASY 3D, através do nosso portal.

Análise
Craniométrica Tridimensional

de alta precisão

Não existe evolução sem inovação. É pensando nisso que lançamos o mais completo e revolucionário protocolo Diagnóstico Ortodôntico tridimensional, o EASY 3D.

 

Este novo protocolo oferece ao ortodontista, reabilitador oral e cirurgião bucomaxilofacial todas as informações, análises, imagens e previsões necessárias para tratamentos mais assertivos.

Entre em contato com nossa equipe, através dos nossos canais de atendimento e solicite, hoje mesmo, o Protocolo EASY 3D.
Nós podemos te ajudar!

Depoimentos

O que dizem os especialistas sobre o uso do Planejamento e Diagnóstico 3D

Implemente nossa solução em sua clínica

Dr. Alberto Consolaro Dr. Marcos PittaErtty SilvaDr. José Pires Mendes
“Tudo o que é novo gera resistência. A evolução do diagnóstico tridimensional, naturalmente, exige um período de aceitação e adaptação. O uso das tomografias nos diagnósticos odontológicos e ortodônticos também sofre resistência, sob os argumentos infundados de que a radiação utilizada no processo é prejudicial, de que o custo é alto para o paciente, etc. Em pouco tempo estes argumentos perderão totalmente o sentido. Os benefícios do diagnóstico tridimensional são inquestionáveis. O fato de utilizar a medição detalhada, com base em imagens de alta definição, e a simetria para avaliar globalmente o paciente seria, por si só, um grande ganho.”
Dr. Alberto Consolaro
Doutor pela USP, escritor e jornalista com vários livros e trabalhos publicados
“O grande problema da Ortodontia do passado, a Ortodontia 2D, das teleradiografias foi não avaliar as curvas de oclusão, não avaliar a espessura óssea, o quanto o incisivo está dentro do osso. Não é possível um diagnóstico correto sem o uso de um protocolo tridimensional. O diagnóstico tridimensional é fundamental em termos de Articulação temporomandibular, das vias aéreas superiores, avaliação dos tecidos moles, patologias subjacentes que não se consegue ver. Eu não consigo imaginar qualquer paciente meu hoje, sendo avaliado para qualquer tipo de tratamento ortocirúrgico sem o uso de um diagnóstico 3D.
Dr. Marcos Pitta
Doutor em Cirurgia Bucomaxilofacial e conferencista internacional
“Não existe ortodontia de excelência sem o diagnóstico tridimensional. O diagnóstico e planejamento através das tomografias e ressonâncias, permite um campo de visão em detalhes dos tecidos ósseos, das articulações temporomandibulares, da oclusão e dos tecidos moles. Além do vasto campo de visão, o Protocolo tridimensional EASY 3D permite total previsibilidade dos tratamentos ortodônticos e ortocirúrgicos. Utilizo em todos os meus casos, dos mais simples aos mais complexos.”
Ertty Silva
Ortodontista, conferencista internacional e idealizador dos Sistemas Ertty
“Vivemos atualmente um tempo de grandes transformações. A evolução da ciência, suportada pela tecnologia, transformou nossa profissão e nossa especialidade produzindo novos paradigmas. Com o uso das tomografias e protocolos tridimensionais na odontologia, nós saímos de uma avaliação de “planta baixa” para uma volumetria completa, nítida e muito mais precisas. É um universo encantador, rico e sem volta. A evolução da ortodontia, sem dúvida alguma, passa obrigatoriamente pelo diagnóstico tridimensional.
Dr. José Pires Mendes
Ortodontista e conferencista

Perguntas frequentes

Tire suas dúvidas com nossoFAQ
Para você Dentista

O Protocolo Easy 3D tem por objetivo oferecer análises craniométricas tridimensionais que permitem um diagnóstico e planejamento muito mais assertivo através de imagens de alta resolução, simetrias do tecido ósseo, tecidos moles, vias aéreas e articulações temporomandibulares (ATM), por intermédio de pontos anatômicos precisamente marcados nas vistas sagital, coronal e axial (os três planos do espaço).

O Protocolo EASY 3D é indicado para o planejamento e diagnóstico de diversas áreas. Tais como:

  • Planejamento ortodôntico
  • Planejamento de cirurgia ortognática
  • Planejamento de tratamentos reabilitadores
  • Avaliação ampla de casos complexos
  • Registros documentais do paciente
  • Avaliação aprofundada da condição clínica do paciente
  • Acompanhamento da evolução do paciente (tratamento e possíveis patologias)

As clínicas que ofereçam fotos e tomografias computadorizada que atendem nossas recomendações.
No caso de clínicas radiológicas não produzirem as fotos, as mesmas devem ser realizadas pelo doutor solicitante.

  • O arquivo DICOM gerado a partir da tomografia de crânio total
  • Fotos extrabucais (Frente, Sorriso e Perfil Direito)
  • Fotos intraorais (frontal e Laterais direita e esquerda)
  • Fotos oclusais (Superior e inferior)

Observações importantes:

a) Exportação do DICOM de Tomografia médica / multi slice compactado– cortes de no máximo 1mm ou menos. Matriz 512 X 512
b) Exportação do DICOM de Tomografia odontológica (Cone beam) – voxel de 0,4mm
c) Não elaboramos análises a partir de tomografias cortadas. É indispensável a visualização completa dos volumes ósseo e mole da face. Isto é, toda a região desde a glabela até o hióide, do nariz até orelha e principalmente a ATM. Além disso, o paciente DEVE está em MIH (boca fechada)
Exemplo:

d) Não utilizar apoios que alterem ou comprimem o tecido mole na tomografia, tais como mentoneira, posicionador oclusal, faixa frontal, posicionador auricular

Sim é possível. Para isso basta criar seu cadastro em nosso portal e nos enviar os arquivos de tomografia (dicom) e fotos do paciente.

Para maiores informações quanto aos processos para solicitação do Protocolo EASY 3D, entre em contato conosco ou fale com nossa central de atendimento pelo email: contato@easy3d.com.br ou pelo whatsapp: (61) 9 9417-2443.

Para você Paciente

O Protocolo EASY 3D é um método de análise, que conta com uma série de imagens de alta resolução e medidas craniométricas. Estas em conjunto, colaboram para definição de tratamentos, dos casos mais simples aos mais complexos, pois amplia o campo de visão para o diagnóstico.

O Protocolo EASY 3d surgiu da necessidade de superar limitações encontradas em exames bidimensionais(radiografia) e foi elaborado por profissionais altamente qualificados que agregaram conhecimento à alta tecnologia.

Para realizar o Protocolo EASY 3D, esteja com o pedido de análise solicitado pelo especialista em mãos e entre em contato com a clínica radiológica que realize tomografia de crânio total.

Caso sua clínica de preferência não conheça nosso Protocolo EASY 3D, entre em contato com a nossa central de atendimento ou nos forneça os dados da clínica que tem interesse em solicitar.

Central de atendimento Easy 3d: +55 (61) 3222-6363, whatsapp: +55 (61) 9 9417-2443 ou e-mail contato@easy3d.com.br.  

Sim. Peça para a clínica de radiologia, após fazer os exames de tomografia computadorizada, exportar os arquivos em Formato Multi slice compactado – cortes de no máximo 1mm ou menos. Matriz 512 X 512.

Em alguns casos a clínica de radiologia médica não nos envia os arquivos (entrega um CD / DVD ao paciente) nestes casos, o paciente precisará nos enviar estes arquivos, caso tenha dificuldade entre em contato com nossa central de atendimento +55 (61) 3222-6363, whatsapp: +55 (61) 9 9417-2443 ou e-mail contato@easy3d.com.br.

O paciente precisará estar com a boca fechada sem interferência na mordida. Não usar qualquer tipo de aparelho que interfira na MIH e Posicionamento côndilo/fossa do paciente, salvo registro de oclusão ou guia confeccionada pelo dentista solicitante.

(Exemplo de aparelhos: aligners, placas miorelaxantes – placas anti-bruxismo.)

Para você Radiologista
  • O arquivo DICOM gerado a partir da tomografia de crânio total
  • Fotos extrabucais (Frente, Sorriso e Perfil Direito)
  • Fotos intraorais (frontal e Laterais direita e esquerda)
  • Fotos oclusais (Superior e inferior)

Observações importantes:

a) Exportação do DICOM de Tomografia médica / multi slice compactado– cortes de no máximo 1mm ou menos. Matriz 512 X 512
b) Exportação do DICOM de Tomografia odontológica (Cone beam) – voxel de 0,4mm
c) Não elaboramos análises a partir de tomografias cortadas. É indispensável a visualização completa dos volumes ósseo e mole da face. Isto é, toda a região desde a glabela até o hióide, do nariz até orelha e principalmente a ATM. Além disso, o paciente DEVE está em MIH (boca fechada)
Exemplo:

d) Não utilizar apoios que alterem ou comprimem o tecido mole na tomografia, tais como mentoneira, posicionador oclusal, faixa frontal, posicionador auricular

  1. a) Tomografia médica / multi slice – cortes de no máximo 1mm ou menos. Matriz 512 X 512
  2. b) Tomografia odontológica (Cone beam) – voxel de 0,4mm
  3. c) Exportar apenas DICOM DE BOCA FECHADA (em MIH) compactado
  4. d) Tipo de arquivo: DCM

Em caso de dúvidas, entre em contato com nossa central de atendimento +55 (61) 3222-6363, whatsapp: +55 (61) 9 9417-2443 ou e-mail contato@easy3d.com.br.

Ideal é que seja realizado a tomografia de crânio total. O FOV é a partir de 23×17.

Descrição da região mínima para a aquisição: Visualização completa dos volumes ósseo e mole da face. Isto é, toda a região desde a glabela até o hióide, do nariz até orelha e principalmente a ATM. Além disso, o paciente DEVE está em MIH (boca fechada) Exemplo:

 

Não utilize apoios que alterem ou comprimem o tecido mole na tomografia, tais como mentoneira, posicionador oclusal, faixa frontal, posicionador auricular

  • O paciente não deve se movimentar durante a aquisição da tomografia;
  • Em posição MIH (Maxima Intercuspidação Habitual);
  • Sem afastador de lábios;Observação:A movimentação do paciente pode gerar imagens duplicadas. O que prejudicará a precisão da análise.

Sim. Para isso basta seguir todas as recomendações, criar seus pedidos e enviar os arquivos através deste portal.

Em caso de dúvidas, entre em contato com nossa central de atendimento +55 (61) 3222-6363, whatsapp: +55 (61) 9 9417-2443 ou e-mail contato@easy3d.com.br.

saiba mais